AS 10 VEZES QUE O GOLFE SE TORNOU SINISTRO

O mundo do golfe é frequentemente visto como um lugar para cavalheiros, onde a etiqueta e o cumprimento das regras são tão importantes para o jogo quanto um conjunto de tacos. Apesar disso, o golfe tem um ponto fraco de assassinato, morte e desaparecimentos. O acidente de avião do campeão principal Payne Stewart em 1999 chocou o mundo profissional do golfe, mas muitas de nossas histórias hoje passaram despercebidas ou não são lembradas. No artigo de hoje, vou te mostrar as 10 vezes que o golfe se tornou sinistro. Você está Em Marte, o seu site de curiosidades!


📌 10ª vez - Golfe durante a guerra:



Durante a implacável blitz de Adolf Hitler na Inglaterra em 1940 e 1941, os clubes de golfe na costa sul da Inglaterra tinham disposições especiais para contabilizar os bombardeios. O comitê de regras do Richmond Golf Club em Surrey apresentou uma lista agora famosa de permissões durante o jogo. A lista incluía pedir aos jogadores para coletar estilhaços durante suas rodadas, permitindo que os jogadores se protegessem sem penalidades de tempo durante os bombardeios e permitindo que um jogador rebatesse se seu golpe fosse afetado por uma explosão. A máquina de propaganda nazista estava ciente de as regras, chamando-as de “reformas ridículas”, mostrando um “heroísmo fingido” enquanto os alemães bombardeavam o campo de golfe e áreas circundantes com mais de 1.000 bombas. Os ataques destruíram áreas da propriedade do clube de golfe e outras partes ao redor de Surrey, nas quais mais de 2.300 pessoas foram mortas e mais de 14.000 mutiladas ou feridas.


📌 9ª vez - Respostas ao desaparecimento de Jimmy Hoffa:



Em 1982, Jimmy Hoffa foi legalmente declarado morto após desaparecer em 1975 sem qualquer vestígio de seu paradeiro. De acordo com alguns repórteres investigativos, Hoffa foi assassinado e agora está enterrado sob um dos greens do Savannah Inn and Golf Country Club em Atlanta, Geórgia. (Muitas teorias ainda abundam sobre o local de descanso final de Hoffa, incluindo sob um celeiro, uma piscina e até mesmo o antigo Estádio dos Giants, entre outros). No entanto, o campo era propriedade do mafioso Lou Rosanova, que frequentemente urinava em um determinado local durante seu Rodadas de golfe. Quando questionado por que sempre fazia isso, Rosanova confirmou que era o corpo de Hoffa que jazia sob o gramado.

De acordo com os relatos do advogado, Rosanova disse que Hoffa tinha vindo de Detroit e enterrado sob o gramado, pois se tratava de um lugar “ninguém jamais suspeitaria”. Outros mafiosos que sabiam disso também iriam urinar neste local durante suas rondas, rindo sobre a suspeita de enterro. Hoffa era conhecido por ser ligado a Teamsters e estava ganhando o apoio da multidão durante sua corrida para a presidência do sindicato. Na época de seu desaparecimento, o mestre dos caddie do clube, David Days Jr., lembra-se de alguma atividade incomum no clube com "algo acontecendo, mas simplesmente não conseguíamos definir o que era".


📌 8ª vez - Lugar errado, hora errada:



Durante uma tarde de julho no Pinetree Country Club, na Geórgia, o Diretor de Golfe, Gene Siller, foi baleado na cabeça e morto enquanto inspecionava por que um veículo foi deixado abandonado no campo. Siller recebeu a tarefa de inspecionar um caminhão branco RAM 3500, que aparentemente foi deixado abandonado no 10º green. Quando revistado, no entanto, também continha duas vítimas assassinadas. Se tudo isso soa como algo mais saído de um jogo de Grand Theft Auto, você está perdoado, já que os três assassinatos não parecem estar ligados.

Os dois corpos encontrados no caminhão teriam sido amarrados por suas bocas, mãos, e pernas e foi morto a tiros. Quando o desavisado Siller se aproximou da cena tentando descobrir porque havia um caminhão estacionado no meio do gramado, ele foi morto a tiros. Siller parece ter estado no lugar errado na hora errada - apesar de ser uma tarde de sábado movimentada no campo de golfe onde ele também era um profissional. Dias após o triplo homicídio, a polícia prendeu Bryan Anthony Roden, de 23 anos, que foi acusado de três crimes de homicídio, mas o motivo ainda não foi determinado.


📌 7ª vez - Corpo misterioso desmembrado:



Na manhã de 29 de abril de 1955, o corpo de uma mulher de meia-idade foi encontrado morto a pancadas perto da caixa do tee do 17º tee do Potters Bar Golf Course. A descoberta do cadáver levou a polícia local a interrogar mais de 4.000 homens e, usando a tecnologia de impressão digital, conseguiu identificar o culpado depois de combinar impressões sangrentas deixadas em um marcador de caixa de chá que se presumia ser a arma do crime. Eventualmente, um menino de 17 anos foi preso e condenado por assassinato. No entanto, esse incidente não foi a primeira vez que um cadáver foi descoberto neste curso. Sete anos antes, um menino estava mergulhando em uma das lagoas no curso quando descobriu uma mão decepada e podre.

Depois de drenar o tanque, mais pedaços de um corpo foram descobertos, alguns deles evidentemente cortados em pedaços e queimados. Uma serra também foi encontrada ao lado da cabeça decepada e queimada da vítima. A polícia identificou o corpo como o homem desaparecido Albert Welch, que havia deixado sua casa com um único bilhete para sua esposa em 1947, que simplesmente dizia: “Fui dar um passeio ... Não voltarei para o chá”. Técnicas da época, Welch foi identificado por uma série de métodos, incluindo moldagem de gesso, usando impressões digitais de alguma forma encontradas no lago e examinando a mandíbula superior para comparar um abscesso aparente do qual Welch havia reclamado. O mistério permanece sem solução sobre quem assassinou Welch e cortou seu corpo em pedaços, com detalhes importantes definidos para se tornarem públicos em 2031. O Potter Bar Golf Club fechou e deixou de ser comercializado em 2018.


📌 6ª vez - Encontrado a centenas de quilômetros de casa em um campo de golfe:



Em agosto de 2015, a bibliotecária Saima Ahmed, de Wembley, Londres, de 36 anos, foi relatada como desaparecida por sua família imediata. Seu paradeiro era desconhecido até que fragmentos de seu crânio e outros ossos foram encontrados em um campo de golfe em Edimburgo - o Gogarburn Golf Club - em janeiro de 2016. Como os restos mortais de Ahmed foram encontrados tão longe de onde ela morava deixou sua família e detetives perplexos. Foi encontrado com seus restos mortais uma passagem de trem datada de 30 de agosto, indicando que ela viajou sozinha para a capital da Escócia naquele dia. A CCTV de seu embarque em um trem na Estação Central de Wembley confirmou isso. Um passeador de cães local na Escócia disse à polícia que eles testemunharam uma mulher que correspondia à descrição de Ahmed “olhando para o mar” da praia de Portobello. Fora isso, muito pouco se sabe sobre seus movimentos uma vez em Edimburgo. Casos de má conduta policial foram movidos contra a força por não tratar o caso com uma prioridade alta o suficiente, e isso frustrou a família de Ahmed. Eles permanecem completamente confusos com todo o caso. Nenhuma quantidade de exames forenses dos restos mortais indica qualquer atividade criminosa, e um novo recurso de informações foi montado em 2020, mas o caso continua sem solução.


📌 5ª vez - Designer de clube de golfe desaparecido:



O designer do Parallax Irons do Lynx Golf, Dave Boone, deixou seu apartamento em Orange County na tarde de 5 de dezembro de 2006 e nunca mais foi visto. Boone teve sucesso no mundo do design de clubes de golfe, com seus premiados Irons sendo usados ​​pelos vencedores do Masters e do Aberto dos Estados Unidos. Ambos Ernie Els e Freddy Couples usaram Boone’s Parallax Irons na década de 1990, desfrutando de um sucesso incrível. Seu desaparecimento chocou muitos no mundo do golfe. A polícia local procurou por Boone no vizinho Whiting Ranch Wilderness Park, usando helicópteros e cães para tentar pegar seu cheiro, mas nenhum vestígio de Boone foi encontrado. Boone teve quatro filhos, com idades entre 17 e 27, e os quatro vasculharam a região selvagem próxima em bicicletas em busca de pistas de seu paradeiro.

Boone não deixou nenhum sinal ou indicação de que estava se preparando para tirar sua própria vida. As buscas em seu computador não apontavam para suicídio, e Boone havia deixado o apartamento apenas com as roupas que estava usando e suas chaves. Alguns dos cães de caça eventualmente rastrearam seu cheiro até uma parte da cordilheira, mas nenhuma outra pista foi encontrada. Os investigadores online teorizam que Boone cometeu suicídio na selva e que seu corpo teria sido comido pela vida selvagem local. No entanto, o caso permanece um mistério, vinculado para sempre ao mundo dos equipamentos de golfe.


📌 4ª vez - Morte vinda de cima:



Durante uma tempestade, um campo de golfe pode se tornar um dos locais mais atingidos quando ocorre um raio na bifurcação. Por esse motivo, ficar preso no curso pode ser extremamente perigoso. Existem inúmeras histórias de jogadores que foram atingidos enquanto estavam fora, mas no início de 2021, um jogador de golfe de 70 anos foi encontrado morto no 7º green do Burlington Country Club em New Jersey durante o meio do dia. Era evidente por sua condição que ele havia sido atingido por um raio durante a tempestade recente. Um relato quase fatal ocorreu durante um incidente em Wisconsin no qual quatro pessoas foram atingidas no mesmo ataque durante uma rodada no Big Fish Golf Club. Um dos jogadores de golfe se lembra de ter ouvido um estalo poderoso e depois acordou no chão. Mesmo nos profissionais, os fãs podem se lembrar de Tony Jacklin tendo seu taco atingido no meio do swing e voando a 30 pés de distância dele. Ou Lee Trevino, que foi atingido por um raio de um lago próximo, necessitando de hospitalização.


📌 3ª vez - Trespassado pelo coração:



Aqueles de nós que já jogaram ou assistiram golfe saberão que a frustração e a raiva muitas vezes podem fazer com que os jogadores joguem seus tacos com repulsa. Isso foi visto muitas vezes no PGA Tour. Mas em Gloversville, NY, durante julho de 1994, um jogador que fizesse isso iria sair pela culatra - fatalmente. O jovem jogador de golfe Jeremy Brenno estava jogando uma partida em seu campo local, o Kingsboro Golf Club, quando acertou violentamente sua 3-wood no um banco depois de fazer um tiro ruim. A haste do clube estalou e saltou para trás em direção a Brenno, entrando em seu peito e acertando-o no coração. Brenno foi atendida por serviços de emergência, mas foi declarada morta por volta das 18h. Ele tinha apenas 16 anos. Sua morte lembra a todos os que jogam golfe - é apenas um jogo.


📌 2ª vez - Comida para os crocodilos:



Muitos clubes de golfe ao redor do mundo têm crocodilos ou crocodilos locais que vivem nas águas ao redor do campo, com muitos jogadores postando vídeos de encontros nas redes sociais. No Parque Nacional Kruger, na África do Sul, Jacques van der Sandt estava recuperando bolas de golfe da barragem do Lago Panic com as duas pernas na água até a altura do joelho. Ele foi subitamente agarrado e puxado por uma força das profundezas obscuras invisíveis. O crocodilo, que tinha 3,6 metros de comprimento e havia recentemente saído da hibernação em busca de comida, arrastou Van der Sandt para a água, mordendo-o nas costas e no peito. Ele não foi visto novamente pelo amigo com quem estava jogando sobre quem conseguia encontrar o maior número de bolas de golfe. Seu corpo foi recuperado posteriormente pela polícia, pois não foi completamente mutilado pelo crocodilo. Posteriormente, os Rangers mataram o animal para se proteger contra novos ataques aos habitantes locais.


📌 1ª vez - O jogador de golfe nunca ressurgiu:



Muitos no mundo do golfe sabem que a busca por bolas de golfe pode ser o seu próprio passatempo. Em outubro deste ano, dois jogadores de golfe na Irlanda do Norte do Hilton Belfast Templepatrick Golf and Country Club saíram com equipamentos de mergulho em busca de bolas de golfe nos lagos do campo. Os homens foram contratados pelo hotel para recuperar as bolas e depois vendê-las de volta ao clube de golfe. Por volta das 14h, um dos homens reapareceu e descobriu que sua parceira ainda não havia voltado do mergulho. Após um curto período, os serviços de emergência foram chamados, pois estava ficando claro que o segundo homem poderia estar em grave perigo. Cerca de cinco horas depois, um corpo foi recuperado da água turva do curso, com investigações post-mortem sugerindo que o homem pode ter tido um “problema de saúde” durante o mergulho. Infelizmente, o campo custou sua vida pela indústria relativamente barata de bolas de golfe usadas.

2 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo